23 de fev de 2014

COMIDA x SONO.


Cansado de contar carneirinhos? Ter dificuldade em adormecer pode ser extremamente frustrante e pode levar a ganho de peso e aumento do risco de obesidade, doenças cardíacas e diabetes. O número de adultos e crianças que sofrem com privação de sono é enorme, e cresce cada vez mais.
Uma medida básica, e que eu uso (nem sempre com sucesso) em casa, é desligar TODOS os eletrônicos/telas 1,5h hora antes de dormir. Deitar todas as noites no mesmo horário também costuma ajudar.
O que comemos no jantar também influencia muito nossa qualidade de sono. Alguns alimentos são “indutores” de sono, outros atrapalham bastante. Vamos ver quais são eles!
1.    LEITE. A sua avó tinha razão quando dizia que beber um copo de leite antes de dormir ajuda a embalar seus sonhos. O leite é um indutor porque tem triptofano, que aumenta os níveis de melatonina, substância indutora de sono.
2.     SOJA. Boa notícia para os vegetarianos, soja contém triptofano. Em seu estado natural, 1 xícara contém 100% da necessidade diária.  
3.    NOZES. Castanha de caju e nozes também ajudam, e uma boa ideia é polvilhar castanhas na sua salada, massa ou legumes.
4.    SALMÃO. Já tínhamos ótimos motivos para comer salmão, que  juntamente com bacalhau, linguado, atum, e pargo são bons fontes de vitamina B6, que aumenta a  produção de melatonina.
5.    ESPINAFRE e outras verduras verde-escuras: Ótima fonte de vitaminas do grupo  B, o espinafre colabora para uma boa noite de sono.
6.    LENTILHAS. Além de ser uma grande fonte de triptofano, lentilhas são embaladas com fibras, que ajudam na digestão e diminuir o colesterol.

Agora uma pincelada nos alimentos que podem piorar nossa noite:
1.    CHOCOLATE. Dependendo de quanto você come, chocolate pode conter tanta cafeína quanto um refrigerante. Para a maioria das pessoas,  2 quadradinhos não vão acabar com a noite, já comendo a barra inteira...
2.    PIMENTA  e afins. Perto da hora de dormir, nossa temperatura central diminui. Alimentos picantes, entretanto, aumentam nossa temperatura interna (por isso usamos alguns para auxiliar na queima calórica!), e podem atrapalhar nosso precioso descanso.
3.    ÁLCOOL. Você jure que um copo de vinho te dá sono? Ele pode fazer isso no início, mas como o metabolismo do álcool é rápido, esse efeito passa logo no início da noite, aumentando o ronco, e perturbando seu sono REM.
As pessoas reagem de formas diferentes aos mesmos alimentos, e tem chocólatra que dorme bem à noite, e bebês que tomam leite e não dormem... Mas não custa nada tentar melhorar sua noite de sono. Seu coração agradece! 

Um comentário:

  1. Dra Ilana adorei este post ,maravilhoso me sinto feliz em ssber que acerto o jantar das crianças beijos

    ResponderExcluir

Faça aqui seu comentário: